Conheça a história da Padroeira de Caruaru

Nessa sexta-feira (15), é dia de Nossa Senhora das Dores, padroeira de Caruaru. O PMU foi descobrir como a história por trás dessa data religiosa aconteceu. A história dá conta de que, em 1782, o fundador de Caruaru, José Rodrigues de Jesus mandou construir a capela de Nossa Senhora da Conceição, em homenagem a sua mãe e irmã que eram devotas da santa, o que fez ela se tornar a padroeira do local.

Nossa Senhora das Dores (Foto: Reprodução/Internet)

Em 1840, com um número crescente de devotos a Nossa Senhora das Dores, foi organizada a Irmandade de Nossa Senhora das Dores, que teve por finalidade fazer desenvolver o culto público e promover obras de zelo e de apostolado. De acordo com o professor e historiador, Urbano Silva, em 1848, foi concluída a catedral e primeira Paróquia de Caruaru, tendo como titular Nossa Senhora das Dores.

Ela nem sempre foi considerada a padroeira da cidade. Nós fomos atrás da história e contamos para você. Saiba mais: elevada à dignidade de Catedral Diocesana, e nova padroeira de Caruaru.

“O mais interessante, é que Nossa Senhora da Conceição a antiga padroeira, Nossa Senhora das Dores a atual padroeira, ou Nossa Senhora da Penha, Nossa Senhora Aparecida… Todas se referem a mesma mulher, Maria mãe de Jesus” afirma Urbano Silva.

 

Sabrina Sales

Estudante do sexto período de Comunicação Social com Ênfase em Jornalismo pela Unifavip - DeVry em Caruaru/PE.