Caruaru será representada por jovens em evento internacional da ONU

HomeCARUARU E REGIÃO

Caruaru será representada por jovens em evento internacional da ONU

Evento acontece na cidade de Nova Iorque, entre os dias 8 e 11 de março.

As caruaruenses Cléo Freire e Rebeca Araújo foram convidadas para compor a delegação do Brasil em um evento que acontecerá na sede da Organização das Nações Unidas (ONU), na cidade de Nova Iorque, entre os dias 8 e 11 de março. O objetivo do evento é aperfeiçoar as habilidades dos futuros profissionais e incentivar sua participação no cenário internacional e em ambientes de tomada de decisões.

O Future We Want Model United Nations Conference 2018 (FWWMUN), irá contar com 2500 participantes de mais de 110 países. Será proporcionada a oportunidade de ampliar as perspectivas de discussões globais e como estas situações impactam nas comunidades, enfatizando a realidade de pensar global e agir local. 

As jovens poderão adaptar o que aprenderem lá para ser aplicado na realidade de Caruaru. Também será possível a construção de uma ampla rede de contatos, levando a representatividade do agreste pernambucano para o nível internacional.

Iniciativa global para jovens

Os delegados da FWWMUN terão a oportunidade de debater no Salão da Assembléia Geral das Nações Unidas, na Câmara do Conselho Econômico e Social e em outros locais de encontro oficiais durante o fim de semana, dando-lhes a oportunidade de trabalhar juntos e debater questões escolhidas diretamente da agenda da ONU. O FWWMUN reunirá oradores especialistas das Nações Unidas, funcionários estrangeiros e várias organizações não governamentais para proporcionar aos estudantes uma visão aprofundada da política internacional. Após a conferência, a FWWMUN enviará todas as resoluções ao Secretariado das Nações Unidas após a conclusão da conferência.” No modelo UN, você amplia seus horizontes.Ao aprender e criar redes, você pode fazer parte dos esforços da ONU para estabelecer a paz, garantir os direitos humanos e permitir que todas as pessoas vivam com dignidade” destaca o secretário geral da ONU – António Guterres.

COMENTÁRIOS

WORDPRESS: 0
    DISQUS: 0