Pesquisa do Sindloja aponta movimento de R$14 mi em Caruaru até a Páscoa

HomeCARUARU E REGIÃO

Pesquisa do Sindloja aponta movimento de R$14 mi em Caruaru até a Páscoa

Ao todo 200 pessoas foram entrevistadas.

De acordo com uma pesquisa realizada para a Páscoa de 2018, realizada pela Assessoria de Economia e Estatística do Sindicato dos Lojistas do Comércio de Caruaru (Sindloja), 55% dos consumidores da Capital do Agreste deverão presentear alguém até a data.

Segundo o levantamento, o chocolate será o produto mais comprado, 100% dos entrevistados informaram que costumam dar chocolate. Dentre o total, 80% darão Ovo de Páscoa, 18% caixa de bombons, 9% cesta de chocolates. Outros produtos como vestuário, perfumaria e o tradicional urso de pelúcia completam a lista de opções. Estimasse que neste período sejam movimentados aproximadamente R$14 milhões a mais na economia caruaruense

 

Levando em consideração que cada consumidor pretende presentear em média quatro pessoas, e que o valor de cada presente está calculado em média dos R$30, cada consumidor representa um investimento de R$120.

84% dos entrevistados irão realizar as compras em Caruaru, e preferem estabelecimentos como supermercados, comércio do centro, shoppings, lojas especializadas e vendedores caseiros.  64% informaram que irão realizar o pagamento a vista e 31% que irão realizar cartão de crédito, entre forma direta e parcelada.

 

 

PEIXES E CRUSTÁCEOS

A pesquisa apontou que 84,5% dos entrevistados irão consumir algum tipo de peixe ou crustáceos durante a semana santa. 73% irão passar esse período em Caruaru e 21% pretendem viajar. Ainda houve pontuação de onde pretendem comer, 81% disseram que ficarão em casa e 13% devem ir para restaurantes.

O levantamento foi realizado no dia 23 de fevereiro deste ano nas áreas do Centro de Caruaru, Parque 18 de Maio, Fábrica da Moda, Caruaru Shopping e Polo Caruaru. Foram entrevistadas 200 pessoas, destas 69,5% residem em Caruaru, enquanto 30,5% moram em outras cidades. As mulheres representaram 62,5% do público e os homens 32,5%. A pesquisa apresenta grau de confiança de 95%.

COMENTÁRIOS

WORDPRESS: 0
    DISQUS: 0