Professores da rede privada decretam Estado de Greve

HomePernambuco

Professores da rede privada decretam Estado de Greve

A decisão foi tomada nessa quarta-feira (16).

Os professores da rede privada de ensino de Pernambuco decretaram Estado de Greve nesta quarta-feira (16). A decisão foi tomada por unanimidade, após a rejeição da contraproposta apresentada em assembleia realizada na sede do Sinpro Pernambuco e nas Subdeses de Caruaru, Petrolina, Limoeiro e Garanhuns.

Leia também: Sinpro convoca professores da rede privada para assembléia

O Sinpro Pernambuco informou que as escolas particulares aplicam um reajuste de em média 15% nas mensalidades no início do ano, um índice acima da inflação, com a justificativa de arcar com o pagamento dos educadores. Mas de acordo com o Sindicato, as escolas apresentam uma pauta que nega os pleitos da categoria, um reajuste sem ganhos reais e aumento da jornada de trabalho dos docentes.

No dia 22 de maio, será realizada uma nova assembleia com os educadores para decidir os rumos do movimento, às 14h,  na sede do Sinpro Pernambuco e nas Subsedes de Caruaru, Petrolina, Limoeiro e Garanhuns.

COMENTÁRIOS

WORDPRESS: 0
    DISQUS: 0