Moradores de Águas Belas interditam BR-423 por falta de água

Continua após a publicidade

Os dois sentidos da BR-423 foram interditados nesta terça-feira (12), em Águas Belas, no Agreste pernambucano. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o bloqueio foi realizado por manifestantes que reclamavam sobre a falta de água na cidade.

A PRF informou ainda que não há previsão de liberação do local. A equipe do Portal Mídia Urbana entrou em contato com a assessoria da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) que informou por meio de nota, que os recursos para a Adutora do Agreste foram assegurados pelo governador Paulo Câmara a partir de visitas periódicas junto ao governo federal, em Brasília.

Confira a nota na íntegra:

“A Compesa esclarece que os recursos para Adutora do Agreste foram assegurados pelo governador Paulo Câmara a partir de visitas periódicas junto ao governo federal, em Brasília. A liberação de R$ 82 milhões viabilizou a Compesa a realizar, em tempo recorde, a licitação da obra que atenderá o município de Aguas Belas.A Companhia adianta que já finalizou o processo de licitação para contratação da empresa que executará a obra do trecho da Adutora do Agreste que atenderá o município de Águas Belas. A empresa já foi escolhida e está em fase de assinatura de contrato. A ordem de serviço será assinada ainda em março e a expectativa é que a empresa contratada inicie a instalação do canteiro de obra em abril.”

Recomendado para você