Polícia prende suspeito de ataque homofóbico na região metropolitana do Recife



(Foto: Reprodução/ Internet)

Continua após a publicidade

A Polícia Civil de Pernambuco prendeu nessa última quinta-feira (01) o suspeito de estuprar, apedrejar e espancar a pauladas o estudante Jefferson Anderson Feijó da Cruz (23). Apesar de ter sido apontado no inquérito policial e em uma denúncia do Ministério Público, Robson da Silva Alexandre (25), só foi preso oito meses após o crime.

O suspeito está preso no Cotel (Centro de Observação Criminológica e Triagem Professor Everardo Luna), em Abreu e Lima, cidade da região metropolitana do Recife. Ele irá responder na justiça por tentativa de homicídio.

De acordo com o Ministério Público, o crime foi motivado por homofobia.

SOBRE O CASO

Em dezembro do ano passado, enquanto se divertia com amigos na praça da Bandeira, em Moreno, Pernambuco, Jefferson desapareceu após ir ao banheiro. Algumas horas depois, ele foi encontrado em um matagal. Atualmente,  Jefferson não possui as funções cognitivas, uma sequela do crime.

 

Recomendado para você