Obras do Hospital da Mulher paradas; unidade deveria ter sido entregue em 2014

As obras do Hospital da Mulher foram iniciadas em 2013 (Foto: Roberto Cohen)

Iniciada em 2013, a obra do Hospital da Mulher de Caruaru parece estar longe de sua conclusão. Anunciada pelo então governador de Pernambuco, Eduardo Campos, o projeto de um hospital voltado para a saúde da mulher na Capital do Agreste contava com orçamento de 47 milhões. Logo depois, foi alvo da campanha do hoje reeleito governador de Pernambuco, Paulo Câmara.

Desde o ano de 2014, quando prazo não foi cumprido o governo tenta estabelecer uma nova data para inauguração. O então Secretário de Saúde do Estado na época, Antônio Carlos Figueira, chegou a afirmar que o hospital seria entregue no primeiro semestre daquele mesmo ano.

Continua após a publicidade

Ao Portal Mídia Urbana, a Secretaria Estadual de Saúde (SES) informou que foi instaurado um processo de auditoria na obra, após serem detectados problemas com a empresa licitada. O processo já foi finalizado, e outro foi iniciado para analisar as respostas dadas pela empresa em questão. Ainda segundo a SES, estaria sendo feito uma reanálise no projeto de arquitetura. Em 2013, o projeto executivo da unidade custou quase R$ 1 milhão ao Governo Estadual.

A previsão de uma nova solicitação, para que então as obras sejam retomadas, é no início de 2020. As informações foram dadas através de uma nota da assessoria da secretaria. Não ficou esclarecido uma previsão para inauguração ou o custo atual da obra. Quando terminada, a unidade contará com uma maternidade de alto risco, casa da gestante, urgência e emergência.

Além de Caruaru, o hospital irá beneficiar mais 32 municípios do Agreste e região. Quando concluído, ele irá descentralizar os serviços de ginecologia e obstetrícia da Casas de Saúde Bom Jesus, Fusam e hospitais do Recife. O Hospital da Mulher está sendo construído na Avenida José Rodrigues de Jesus, no bairro Indianópolis, próximo à UPA de Caruaru.

Recomendado para você