Rock In Rio se torna parada obrigatória para os caruaruenses; confira histórias

A digital influencer e publicitária Hevelly Cavalcante e a fotógrafa Juelayne Gondim, fazem do Rock In Rio parada obrigatória. (Fotos: Divulgação/ Arquivos pessoais)

Já terá início nesta sexta-feira (27) o primeiro final de semana do Rock In Rio, um dos maiores festivais de música do Brasil. E claro que os caruaruenses não poderiam ficar de fora desse evento que para muitos é compromisso obrigatório a cada dois anos. Este ano o RIR irá acontecer entre os dias 27 a 29 de setembro e 3 a 6 de outubro, no Parque Olímpico do Rio de Janeiro. O evento que está com os ingressos esgotados desde abril, conta com a presença de pessoas de todos os lugares do mundo.

Para muitos caruaruenses a ida ao Rock in Rio já se tornou tradição e, para alguns ainda é um sonho que pretendem realizar em um futuro próximo. Pensando nisso, a equipe do Portal Mídia Urbana entrou em contato com pessoas que levam a ida para um evento desse porte com muita tranquilidade.

Continua após a publicidade
Hevelly Cavalcante pela primeira vez no Rock In Rio. (Foto: Divulgação/ Arquivo Pessoal)

Este é o segundo ano que a publicitária, Hevelly Cavalcante, vai para o Rock in Rio e ela conta que sempre gostou muito de música e que é encantada pela experiência que o festival proporciona. Para ela o primeiro passo foi garantir o “Rock in Rio Club”, que é como se fosse um convênio que proporciona benefícios para quem o possui. Em seguida ela comprou os ingressos, dela e do namorado, para enfim começarem a pensar em passagens e hospedagens.

Hevelly conta que inicialmente seus planos era passar 15 dias no Rio de Janeiro, porém, como o custo é alto, tiveram que reduzir a viagem para 5 dias. A melhor opção que ela encontrou foi reservar um apartamento por um site de reservas e por fim providenciou as passagens.

Juelayne Gondim irá para o festival pela quarta vez. (Foto: Divulgação/ Arquivo Pessoal)

Já a fotografa, Juelayne Gondim irá participar do festival pela quarta vez agora em 2019. “Desde criança que sempre quis ir, ficava vendo os show pela televisão, ai quando tive a oportunidade em 2015, fui”, desde então, ela sempre busca ir novamente.

Ela estava nervosa e ansiosa no primeiro ano, porém hoje já leva a ida ao Rock in Rio com tranquilidade.“É igual a um show aqui, Só que tem que ver passagem e hospedagem. Geralmente eu me programo um ano antes para poder comprar as coisas com calma” explica a fotografa.

A fotógrafa Juelayne tem algumas dicas para as pessoas que pretendem ir, porém nunca tiveram oportunidade, primeiramente ela diz que se a pessoa tem vontade de ir, tem que ir mesmo. Por ultimo, ela recomenda que a pessoa se planeje bem antes, pois no festival as coisas costumam ser caras e a pessoa passa muito tempo no local pois são muitas atrações.

Christian Pinheiro Florencio teve a primeira experiência no evento em 2011. (Foto: Divulgação/ Arquivo Pessoal)

O motion designer, Christian Pinheiro Florencio, também não é marinheiro de primeira viagem e em 2011 teve sua primeira experiência física com o festival, porém desde 2001 começou a assistir os shows. O que o atraiu para conhecer o evento foi a história do festival, e estar em um lugar que antes ele via apenas pela televisão foi algo que fez com que ele quisesse sempre repetir.

Este já é o quarto ano que Christian vai para o festival e sempre costuma preparar assim que as datas são anunciadas. “Por incrível que pareça, o ingresso pro festival é a coisa com que menos você precisa se preocupar, o ideal é já começar a se preparar para isso assim que o festival é anunciado e começar a pesquisar passagens e hospedagem. São coisas que vão subir consideravelmente de preço” ele da dicas de como se organizar.

Por fim, quando vai se aproximando do Rock in Rio, ele costuma se exercitar, seja caminhando ou correndo, pois como o festival é muita coisa acontecendo em um espaço grande, Christian conta que precisa de disposição para andar e poder curtir os shows.

Recomendado para você