Sindloja se posiciona sobre empresários de Caruaru que planejavam abrir comércio durante pandemia

Rua Quinze de Novembro, no centro de Caruaru. (Foto: Leonardo Santos)

NOTA: O Sindloja tomou conhecimento que alguns empresários estão se articulando para reabrir suas lojas sem que ainda exista o consentimento legal. Diante disso, o Sindloja vem informar que não apoia ações que não estejam em consonância com os poderes públicos.

A diretoria do sindicato, através do presidente Manoel Santos, vem atuando para buscar soluções que atendam as empresas e os funcionários. Acreditamos que a reabertura do comércio precisa ocorrer de forma gradual e organizada, primando pela saúde e bem estar das pessoas.

Continua após a publicidade

Recomendado para você