Sergio Moro anuncia demissão do Ministério da Justiça e Segurança Pública

HomeDIRETO DA REDAÇÃO

Sergio Moro anuncia demissão do Ministério da Justiça e Segurança Pública

O ex-juiz Sergio Moro anunciou nesta sexta-feira (24) a demissão do Ministério da Justiça e Segurança Pública. A demissão de Moro, considerado um

TSE investigará campanha de Bolsonaro
Bolsonaro derrotado: Câmara rejeita proposta que tornava obrigatório o voto impresso
Lula bate Bolsonaro no 2º turno com facilidade, diz pesquisa

(Foto: Adriano Machado/Reuters)

O ex-juiz Sergio Moro anunciou nesta sexta-feira (24) a demissão do Ministério da Justiça e Segurança Pública. A demissão de Moro, considerado um dos maiores trunfos do governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e um super-ministro, ocorreu após a exoneração do ex diretor-geral da Polícia Federal, Maurício Valeixo, que era braço direito do ministro.

A demissão de Valeixo estava sendo aguardada desde a quinta-feira (23), após Moro informar ao presidente da república que se o diretor-geral fosse trocado ele deixaria o governo. Contudo, apesar da ameaça de saída do ministro, a confirmação da exoneração ocorreu com o Diário Oficial da União (DOU) desta sexta. Confira na imagem:

Segundo o Governo Federal, a exoneração ocorreu “a pedido”, segundo decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro e pelo ministro da Justiça, Sergio Moro. Ele não esperava pela demissão, já que Valeixo era tido como o braço direito de Moro dentro do ministério.

Como o cargo é de livre nomeação do presidente, o ministro não precisaria assinar o despacho. O ministro Sergio Moro pretende dar uma entrevista às 11h desta sexta, onde informará sobre a exoneração e se continuará ou não a frente do ministério. 

COMENTÁRIOS

WORDPRESS: 0
DISQUS: 0